Horta em casa, jardins verticais!

É um luxo possível colher temperinhos diretamente da horta, em casa ou apartamento.
Foto da torneira – Morar Mais Goiânia, Varanda Gourmet, Marcos Gouvêa Camargo
Foto horta vertical com vaso branco – Morar Mais Rio de Janeiro, Sala do Jovem Casal, Cyntia Sabat
Foto horta vertical em madeira – Morar Mais Rio de Janeiro, Cozinha Gaya, Mayumi Yamagata
Foto bancada com pia – Morar Mais Belo Horizonte, Cozinha do Estúdio da Estilista, Thaís Faria e Caio Prates

22-01-2016-sustentabilidade-morar-mais1
De olho na janela
O cultivo de temperos que dão vida às saladinhas e diversos pratos, não tem muito segredo. A luz solar por pelo menos 2 horas por dia, no entanto, é indispensável. Se você não tem espaço para montar uma jardineira, tudo bem. Você pode comprar os vasinhos já plantados (em hortos, ou até mesmo supermercados) e os coloque em frente à janela. Além de aromáticos, eles criam um clima despojado e lindo! Atenção para alguns cuidados para deixar sua plantinha saudável:

  1. Não se esqueça de regar 1 vez por dia, sem excesso (atenção para não deixar resíduo de água no pratinho).
  2. Plante apenas uma espécie por vasinho.
  3. Certifique-se de que o vaso tenha drenagem.
  4. Deixe as ervas daninhas.
  5. Use apenas adubo orgânico, porque as plantinhas são para ingestão. Na dúvida, é melhor não adubar.

Fotos – Morar Mais Belo Horizonte, Cozinha do Estúdio da Estilista, Thaís Faria e Caio Prates
Selecionamos para você alguns dos temperos mais usados e de cultivo mais simples:
tabela-temperos-morar-mais-01
Fonte das informações: http://www.jardineiro.net/horta-de-temperos.html

22-01-2016-sustentabilidade-morar-mais2
Jardins verticais
A hortinha na vertical é uma solução para driblar a falta de espaço. As jardineiras podem ser construídas em materiais diferentes como alvenaria, bambu, madeira de demolição e até mesmo mdf, de acordo com o estilo da sua cozinha (ou copa, ou área de serviço, ou varanda). É importante pensar no tratamento e impermeabilização dessas jardineiras, porque os vasinhos (com os respectivos pratos) podem gerar umidade. A vantagem desse recurso é que os vasos podem ser substituídos individualmente, para que você tenha o seu jardim de temperos sempre viçoso.
Fotos da esquerda – Morar Mais Rio de Janeiro, Sala do Jovem Casal, Cyntia Sabat
Foto da direita – Morar Mais Rio de Janeiro, Cozinha Gaya, Mayumi Yamagata

22-01-2016-sustentabilidade-morar-mais3
Jardins de inverno (e de verão)
Para quem tem pátio interno, varanda, ou ainda um ambiente com clarabóia (ou bay-window) não tem erro! Receber os amigos ou relaxar com a família em meio aos aromas e cores dos temperos é um privilegio que deve ser usufruído. Nesse caso, vale muito a pena consultar um paisagista para saber qual é a melhor maneira de cultivar seu jardim secreto.
Fotos da esquerda – Morar Mais Campo Grande, Pátio Califórnia, Elaine Oliveira, Lhoyani Camargo e Jéssica Morais Ferreira
Foto quadrada e da direita – Morar Mais Goiânia, Varanda Gourmet, Marcos Gouvêa Camargo

22-01-2016-sustentabilidade-morar-mais4
Lavoura urbana
O hábito da jardinagem equivale a um tratamento anti-estresse.  Mexer com o verde, fazer e transplantar as mudinhas, regar sentindo o cheiro que desprende dos temperos, é tudo de bom. Então, se você tem um espaço com luz natural, ou a céu aberto, não espere mais. Prepare um canteiro horizontal ou vertical, e mãos à obra!
Fotos – Morar Mais Vitória, Varanda da Família, Lorrayne Zucolotto e Tatiana Espíndola

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *