Morar Mais é vanguarda tb na Sustentabilidade. Confira os últimos 10 anos!

https://morarmais.com.br/mms/wp-content/uploads/2021/02/Morar-Mais-é-Vanguarda-tb-na-sustentabilidade.png

O Morar Mais por Menos foi o primeiro evento de decoração a levantar a bandeira da sustentabilidade: desde sua estreia, em 2004, levou aos arquitetos participantes o desafio de recorrer em seus projetos a soluções sustentáveis, materiais certificados e alternativos, sempre com vistas aos 3 “R”s: Reduzir, Reaproveitar e Reciclar. 

Além da sustentabilidade, outros três pilares do Morar Mais estimulam um “morar” mais consciente: MAIS POR MENOS, mostrando que é possível montar uma casa com produtos com bom custo-benefício e que, com a ajuda profissional, a decoração pode ser sofisticada e acessível; CUSTOMIZAÇÃO, uma maneira pessoal de imprimir identidade em casa, atribuindo novos usos e funções a objetos subutilizados ou que iam para o lixo; e TECNOLOGIA E INOVAÇÃO, com iniciativas e avanços que tem se voltado cada vez mais para o nosso bem estar e para viabilizar uma vida mais sustentável. O investimento em energia limpa e em novas técnicas de reciclagem e reuso de materiais são alguns exemplos desse olhar da tecnologia e da inovação para uma existência mais coesa e harmoniosa com a natureza.

A busca por soluções sustentáveis deixou de ser uma escolha e se tornou uma necessidade para garantir o futuro do planeta. É nosso dever abraçar e incentivar um Morar Mais sustentável! Ao longo desses anos, tivemos diversos projetos visando esse conceito – não só através das empresas parceiras, dos produtos e materiais utilizados, mas também estimulando uma vida mais ativa e saudável, através de ambientes como os bicicletários!

Neste ano, o Morar Mais se compromete ainda mais com a causa: a edição carioca está prevista para acontecer nos próximos anos no mesmo local, reduzindo assim a geração de entulho de obra nos próximos eventos e promovendo uma obra limpa, minimizando seu impacto ambiental. Para reforçar essa prática, relembramos alguns projetos já apresentados em edições do Morar Mais que são nota 10 em sustentabilidade. Confira abaixo nossa linha do tempo dos últimos 10 anos!

2011 – Morar Mais Curitiba

Alunos da Universidade Federal do Paraná criaram em 2011, para o Morar Mais Curitiba, um protótipo de bicicletário multifuncional: além de guardar a bicicleta, a peça é um banco. O projeto criado por Rafael Fusco, Fabio Conceição, André Ambrósio e Bruno Cipriano deu origem posteriormente a um outro protótipo, feito para a Virada Cultural de Curitiba do mesmo ano. Toda produzida em chapa naval, a peça pode ser feita em módulos, se adaptando a diferentes espaços, e usada como mobiliário urbano, além de estimular o uso de bicicletas como meio de transporte alternativo.

2012 – Morar Mais Cuiabá

O Morar Mais já levantou a pauta do uso de contêineres na arquitetura lá em 2012, com o projeto de Fernando Bassan e Ivo da Silva Pereira para o Morar Mais Cuiabá, que trouxe não só o Estúdio do Fotógrafo alocado em contêiner, como criou uma passarela feita com pallets, arte em grafite, paisagismo bem pensado e materiais de baixo custo! Outros espaços dessa edição com forte pegada de sustentabilidade foi a Cozinha Funcional, de Debora Silva, com um grande painel feito de sobras de MDF customizadas, e o Quarto do Rapaz, de Lorena Coura e Rosemari Bragança, com base da cama feita com pallets e luminária a partir de roda de bicicleta.

2014 –  Morar Mais Rio

Tudo pode virar decoração! No Morar Mais Rio 2014, os profissionais soltaram a criatividade e criaram peças incríveis a partir dos materiais mais inusitados: teve mesa de centro feita a partir da estrutura de colchão de mola, tela de galinheiro na parede, revisteiros feitos de canos de PVC e até um closet todo montado com caixotes de feira, entre outras ideias super irreverentes e sustentáveis!

2015 – Morar Mais BH

Roda de bicicleta, latão e garrafões de vinho são alternativas para compor ambientes internos apresentadas no Morar Mais Belo Horizonte, em 2015! No espaço Hotel Boutique, Maluh Amorim e Rodrigo Câmara criaram divisórias feitas em bambu, com a dupla função de floreiras para hortaliças! O material é considerado essencial para a sustentabilidade na construção civil!

2016 – Morar Mais Rio

Em 2016, um elemento que esteve em alta no Morar Mais foi o papelão! O material foi utilizado em dois ambientes que fizeram sucesso na edição do Rio: na bilheteria assinada por Pedro Galaso e no espaço Bem Glô, assinado por Jairo de Sender, dedicado à marca da atriz Glória Pires. Neste ambiente, todos os móveis eram feitos de papelão, inclusive sofá, cadeiras e cama! Além disso, o papelão é considerado o material mais facilmente reciclável no mundo!

2017 – Morar Mais BH e Goiânia

Já em 2017, as edições do Morar Mais em Belo Horizonte e Goiânia apresentaram ideias incríveis e sustentáveis com reaproveitamento de materiais como pallets e galões de metal! Em BH, os pallets foram usados para revestir o teto e as paredes da Cervejaria Mais por Menos, assinada por Gabriela Brasil, Regina Dinardi, Claudia Aragão e Letícia Meireles. Já em Goiânia, o material foi usado para compor a base da cama e criar o closet do Quarto do Jovem, assinado por Ana Paula Zimmermann, Carlos Henrique Ribeiro e Sandra Piloto.

2018 – Morar Mais Rio

O Espaço Light, assinado por Thiago Herrera e Carolina Neves, apresenta várias soluções de eficiência energética, sustentabilidade e reaproveitamento de materiais, como o piso feito de andaimes naval, balanços feitos com restos de serralheria, lâmpadas de LED com selo Procel, revestimentos termoacústicos feitos de algodão com escamas de peixe, que mantém a temperatura ambiente, e muita vegetação – recurso que auxilia na redução da sensação térmica em ambientes internos.

2019 – Morar Mais São Paulo

A Sala de Jantar, apresentada no Morar Mais São Paulo, aposta na sustentabilidade a partir de elementos reutilizados, com assinatura da decoradora Sula Miranda e das arquitetas Isabella Nalon e Juliana Atti. Entre os destaques do ambiente, está a parede de pallets em madeira pinus de reflorestamento, com plantas complementando a decoração, e o lustre feito com galhos encontrados no descarte, montado especialmente para o ambiente. As rodas de caminhão utilizadas como base para o banco de vidro também são outro exemplo de reutilização inteligente.

2020 – Morar Mais Rio

Na última edição do Morar Mais Rio, a sustentabilidade ficou evidente logo na entrada: a recepção/bilheteria do evento foi instalada em um contêiner reaproveitado! O projeto assinado por Thiago Herrera, chamado Complexo da Recepção Multiuso, contou ainda com a reutilização das latas de tinta, transformadas em jardineiras.

Esta foi apenas uma parcela dos projetos sustentáveis do Morar Mais! Você já adotou alguma iniciativa sustentável na sua casa? Compartilhe conosco!

Siga-nos no instagram: @morarmaispormenos

Texto: L.Schuback Assessoria em Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *